Em 2009, o FITEI – Festival Internacional de Teatro de Expressão Ibérica celebra a sua 32ª edição na convicção de que, mais do que nunca, a programação aqui apresentada contempla uma diversidade de propostas que, sem perder de vista os propósitos do Festival, na promoção do teatro e das artes performativas no contexto ibérico, aposta cada vez mais numa inovação constante, acompanhando as transformações do domínio das artes do palco, numa aproximação cada vez mais evidente aos campos da dança, performance, teatro de marionetas e novo circo. Se estas propostas surgem deste motivo principal, não é demais referir que também acontecem da necessidade de pensar o Festival no contexto de uma cidade que deixou de ter programação regular nestas áreas culturais, um factor que entendemos como um desafio à própria natureza evolutiva do FITEI.

No Festival, as cumplicidades com outras instituições multiplicam-se em 2009. Voltamos a reforçar a parceria com o Teatro Nacional São João, com espectáculos também no TECA – Teatro Carlos Alberto e Mosteiro São Bento da Vitória. Também marcamos presença, pelo quarto ano consecutivo, na edição do Serralves em Festa. Neste mapeamento de felizes colaborações, o FITEI conta com apresentações no Teatro do Bolhão e na Biblioteca Almeida Garrett. Pela primeira vez estaremos na Fundação Escultor José Rodrigues – Fábrica Social, no Palácio da Bolsa, no Coliseu do Porto e no Centro Português de Fotografia. Estendemo-nos também este ano a Matosinhos, ao Cine-Teatro Constatino Nery. Mas não são estes os únicos espaços do Festival, também saímos à rua, numa contaminação festiva entre os espaços urbanos e os seus públicos, ocasionais ou não. Vamos subir à Torre dos Clérigos e fechamos o Festival nas ruas de Matosinhos.
Mantemos a rede de extensões do FITEI, fortalecendo a presença do Festival muito para além dos palcos da cidade do Porto. O Teatrão, em Coimbra, e o Fórum Cultural José M. Figueiredo, na Moita, são as escolhas para 2009.

Do programa do FITEI 2009, destacamos os regressos de algumas companhias ao Festival e de muitas novidades. À semelhança das duas últimas edições do Festival, Espanha continua a ter uma forte presença na nossa programação. Voltamos a acolher os Fura del Baus que, depois de oito anos de ausência nos palcos do Porto, apresentam no Coliseu do Porto “Boris Godunov”, uma peça dirigida por Alejandro Ollé. O programa também contempla o regresso dos Atalaya com “Ariadna”, espectáculo com honras de abertura neste Festival, e dos galegos do NUT Teatro, numa co-produção entre o Centro Dramático Galego e o FITEI.

De Espanha, aguardamos as estreias em território nacional de Nacho Vilar Producciones com “Businessclass” e Matarile Teatro com “Animales Artificiales”. Mantemos as maiores expectativas para o encerramento nas ruas de Matosinhos, numa festa que começa com um concerto jazz do grupo galego St. James Street Band, seguindo-se no Cine-teatro Constantino Nery, a Entremans com a performance “Vem”. Regressa-se à rua com a “Invasión Pirata”, do grupo de Vigo Troula Animación e termina-se com a Companhia Voalá com um notável espectáculo de dança aérea.

Com um olhar atento à produção nacional, acolhemos também algumas companhias portuguesas que marcaram presença em várias edições do Festival, como os Artistas Unidos, com a peça “Onde Vamos Morar” e o Teatro do Bolhão, com a estreia de “Traições”. Mas nem só de regressos é marcada a programação de companhias nacionais, apresentamos ainda Célia Ramos com “As filhas da mãe - fantasias eróticas das Mulheres Portuguesas” e Pedro Gil com a peça “Mona Lisa Show”. Contamos com uma dupla apresentação de Filipa Francisco, primeiro com “Leitura de Listas”, numa colaboração com André Lepecki, e depois com Idoia Zabaleta, em “Bicho eres un bicho”. Atento ao desenvolvimento do novo tecido teatral português, apostamos na apresentação do Teatro do Frio e Comédias do Minho com a peça “Estufa Fria”.

Do universo do mundo Ibérico, vamos acompanhar as viagens do encenador venezuelano Rodolfo Molina, de volta com o novo grupo de teatro El Theatron e a peça “Que Clase de Sexo”, e dos brasileiros Cª dos Pés na subida ao Clérigos com “Asas”. Mas este ano, vamos ainda mais longe. Passamos pela Alemanha com a Familie Flöz e o seu “Teatro Delusio” e pela França com Ici et Là e “Dormir Accompagné”.

Num desafio único ao público do Festival, apresentamos este ano a peça “La Piel del Agua”, do Teatro em el Aire, um espectáculo exclusivo para o público feminino, inspirado nos "hammam" – banhos turcos – exclusivos para as mulheres nas sociedades muçulmanas.
Mas o FITEI não fica por aqui. Em torno deste núcleo central de programação, vamos ter conferências, exposições e debates. Antecedemos a abertura oficial do Festival com o concerto pela St. James Street Band. Seguem-se as exposições “Ich bin kein Berliner” de João Tuna, que inclui ainda uma conversa entre o fotógrafo e Paulo Eduardo Carvalho, e “Contrapontos visuais”, onde os fotógrafos Susana Neves e Pedro Sottomayor revisitam as últimas três edições do FITEI. Apresentamos o documentário “Brook by Brook” de Simon Brook, sobre um dos mais aclamados encenadores do
século XX: Peter Brook. Partimos à descoberta dos universos de Fernando J. León Jacomino sobre o “Teatro de Rua em Cuba” e com Guilhermo Heras, seremos conduzidos na conferência “As Artes Cénicas Ibero-americanas e o Papel da Iberescena Debate”. Na vertente formativa, o FITEI convida Lidia Rodriguez, directora da companhia Teatro en el Aire, para um exercício sobre o processo criativo, e Roberto Merino, com “Diabos à Solta”, em exercícios performativos com os seus alunos da ESAP.

Com este programa, o FITEI propõe dezasseis dias de teatro e não só, de reflexão e debate, de caminhos cruzados, de exploração ao mundo das artes do palco nas suas mais diversas formas e momentos.

Mário Moutinho

EXECUTIVO DO FESTIVAL

Mário Moutinho | Director Artístico
Manuel Laurestim | Director Administrativo e Financeiro
Teófilo Folhadela | Director Delegado

Luísa Oliveira | Coordenação Administrativa
Filipa Sampaio | Gestão de Projecto
Lucinda Correia | Estagiária administrativa

Luísa Marinho | Assessoria de Comunicação
Carolina Medeiros | Consultora de Comunicação
Artur Miranda | Coordenação redactorial do programa
Sílvia Fernandes | Tradução
Maria Mónica | Clipping

Teresa Almeida  | Direcção de Produção
Cristina Leal | Delegada em Lisboa
Diana Morais | Assistente de produção
Rita Burmester | Assistente de produção
Patrícia Figueiredo | Assistente de produção
Ana Fernandes | Estagiária de produção
Vanessa Freitas | Estagiária de produção

Sérgio Julião | Director técnico
Sofia Barbosa | Operadora de Painel de Legendagem
Miguel Frazão | Assistente técnico
Flávio Freitas | Técnico
João Maria Ferreira | Técnico
José Manuel Santos | Técnico

Acácio de Carvalho | Autor da escultura
Pedro Sottomayor | Fotografia
Susana Neves | Fotografia
André Tentúgal | Fotografia
Pedro Serrão | Design Gráfico e Web-design
Pedro Mesquita | Design Gráfico e Web-design
Filipe Mesquita | Design Gráfico
Francisco Leite Castro | Web-developer
Hugo Valter Moutinho | Audiovisuais
José Carlos | Anúncio Rádio
Susana Menezes | Voz

Pedro Silva | Distribuição de publicidade
Bruno Guia | Loja FITEI
Fernando Seixas | Transportes
António Borges | Motorista

  • Programação Paralela
  • Ariadna

    Companhia - Atalaya

    Local - Teatro Nacional S. João

  • Boris Godunov

    Companhia - Fura dels Baus

    Local - Coliseu do Porto

  • Businessclass

    Companhia - Nacho Vilar

    Local - Baixa do Porto

  • a*Businessclass

    Companhia - Nacho Vilar

    Local - Fundação Serralves

  • Traições

    Companhia - Teatro do Bolhão

    Local - Teatro do Bolhão

  • As Filhas da Mãe - Fantasias Eróticas das Mulheres Portuguesas

    Companhia - Célia Ramos

    Local - Biblioteca Municipal Almeida Garrett

  • Mona Lisa Show

    Companhia - Pedro Gil

    Local - Cine-Teatro Constantino Néry

  • Leitura de Listas

    Companhia - Filipa Francisco

    Local - Palácio da Bolsa

  • Onde Vamos Morar

    Companhia - Artistas Unidos

    Local - Teatro Nacional S. João

  • Teatro delusio

    Companhia - Familie Flöz

    Local - Cine-Teatro Constantino Nery

  • ASAS

    Companhia - Companhia dos Pés

    Local - Torre dos Clérigos

  • El Teatro Sensorial

    Companhia - Lidia Rodriguez

    Local - Sala Polivalente do IPJ

  • Estufa Fria

    Companhia - Teatro Ferro e Comédias do Minho

    Local - Espaço NEC - Fundação José Rodrigues

  • Dormir Accompagné

    Companhia - Ici et Là

    Local - Biblioteca Municioal Almeida Garrett

  • Wake Up

    Companhia - Nut Teatro

    Local - TeCA

  • Que Clase de Sexo

    Companhia - El Theatron

    Local - Cine-Teatro Constantino Néry

  • La Piel del Agua

    Companhia - Teatro en el Aire

    Local - Mosteiro de São Bento da Vitória

  • Animales Artificiales

    Companhia - Matarile Teatro

    Local - Teatro Nacional São João

  • Bicho Eres un Bicho

    Companhia - Filipa Francisco e Idoia Zabaleta

    Local - Sala de Cristal – TeCA

  • Último Acto

    Companhia - St. James Street Band, Companhia Entremans, Troula Animación, Voalá – Companhia de Espectáculos Aéreos

    Local - Matosinhos

  • Ciclo Vão de Escada
  • St. James Street Band

    Companhia - St. James Street Band

    Local - Baixa do Porto

  • Ich bin kein Berliner

    Companhia - João Tuna

    Local - Teatro Nacional São João

  • Contrapontos visuais

    Companhia - Susana Neves e Pedro Sottomayor

    Local - Centro Português de Fotografia

  • Brook by Brook

    Companhia - Filme

    Local - Biblioteca Municipal Almeida Garrett

  • Teatro de Rua em Cuba

    Companhia - Conferência

    Local - Cineteatro Constantino Nery

  • As Artes Cénicas IberoAmericanas e o papel da Iberscena

    Companhia - Conferência

    Local - Sala Cristal do TeCA